A INCONSTITUCIONALIDADE DA FIGURA DO EMPREGADO HIPERSSUFICIENTE TRAZIDA PELA LEI 13.467/2017

Autores

  • Dirlene Mendes Guimarães Universidade Metodista de Piracicaba
  • Jorge Luís Mialhe UNIMEP

DOI:

https://doi.org/10.22171/rej.v22i36.2760

Resumo

O presente trabalho bibliográfico e documental, com utilização do método dedutivo-normativo, tem como objetivo demonstrar a inconstitucionalidade da nova figura do empregado hiperssuficiente, trazida pela Lei 13.467/2017, alterando o artigo 444, parágrafo único, da Consolidação das Leis do Trabalho, que dispõe que caberá ao empregado portador de diploma de nível superior e que perceba salário mensal igual ou superior a duas vezes o limite máximo dos benefícios do Regime Geral da Previdência Social, a livre estipulação dos direitos previstos no art. 611–A, com a mesma eficácia legal e preponderância sobre os instrumentos coletivos. Ao analisar-se a Constituição Federal de 1988, pode-se verificar que esse artigo viola o princípio da isonomia previsto em seus arts. 5º e 7º, XXXII, assim como a Convenção nº 111 da Organização Internacional do Trabalho, pois importa discriminação em matéria de emprego e ocupação. Justifica-se a pesquisa porque a citada alteração coloca o empregado, em nível de igualdade ao empregador para pactuarem nos contratos trabalhistas, dando a mesma validade dos diplomas coletivos, assim como a própria lei. Conclui-se que o instituto trabalhista traz como uma das características principais a subordinação entre ambas as figuras, prevista no art. 3º da CLT, o que naturalmente impede que estejam em nível de igualdade, conforme dispõe a alteração trazida pela Lei 13.467/17.

Biografia do Autor

Dirlene Mendes Guimarães, Universidade Metodista de Piracicaba

Mestranda em Direito na Universidade Metodista de Piracicaba – UNIMEP.Bacharel em direito pela UNIMEP, pós-graduada pela UNIVEM.

Jorge Luís Mialhe, UNIMEP

Pós-doutorado pelas universidades de Paris III (Sorbonne-Nouvelle) e de Limoges (CRIDEAU). Doutor, mestre e bacharel pela Universidade de São Paulo - USP. Professor da UNESP, UNIMEP e UNISAL.

Downloads

Publicado

2021-04-11

Como Citar

Guimarães, D. M., & Mialhe, J. L. (2021). A INCONSTITUCIONALIDADE DA FIGURA DO EMPREGADO HIPERSSUFICIENTE TRAZIDA PELA LEI 13.467/2017. Revista De Estudos Jurídicos Da UNESP, 22(36). https://doi.org/10.22171/rej.v22i36.2760

Edição

Seção

LINHA I Cidadania Civil e Política e Sistemas Normativos