O VALOR SOCIAL DO TRABALHO COMO DIREITO HUMANO E SUA AFIRMAÇÃO NA CONSTITUIÇÃO (SOCIAL) DA REPÚBLICA BRASILEIRA DE 1988

Autores

  • Luciani Coimbra de Carvalho Universidade Federal do Mato Grosso do Sul
  • Geraldo Furtado de Araújo Neto Universidade Federal de Goiás e Universidade Federal do Mato Grosso do Sul

DOI:

https://doi.org/10.22171/rej.v22i36.2747

Resumo

Este trabalho visa analisar o valor social do trabalho como direito humano e o contexto social em que se deu sua inserção na Constituição da República de 1988. Será analisada a justificativa ou tentativa de se justificar os direitos humanos do ponto de vista filosófico, a afirmação dos direitos sociais no mundo contemporâneo e como se deu a inserção do valor social do trabalho como fundamento da República Brasileira. Este presente trabalho é relevante à comunidade jurídica, haja vista o esclarecimento dos direitos sociais (neles incluído o valor social do trabalho) como direitos humanos e sua importância no contexto da promulgação da Constituição da República Brasileira de 1988. Será usado o método dedutivo, por meio da pesquisa bibliográfica e histórica.

Biografia do Autor

Luciani Coimbra de Carvalho, Universidade Federal do Mato Grosso do Sul

Doutora em Direito do Estado pela PUC/SP

Geraldo Furtado de Araújo Neto, Universidade Federal de Goiás e Universidade Federal do Mato Grosso do Sul

Formado em Direito pela Universidade Federal de Goiás, Juiz do Trabalho do Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região e mestrado em Direitos Humanos pela UFMS.

Downloads

Publicado

2021-04-11

Como Citar

de Carvalho, L. C., & de Araújo Neto, G. F. (2021). O VALOR SOCIAL DO TRABALHO COMO DIREITO HUMANO E SUA AFIRMAÇÃO NA CONSTITUIÇÃO (SOCIAL) DA REPÚBLICA BRASILEIRA DE 1988. Revista De Estudos Jurídicos Da UNESP, 22(36). https://doi.org/10.22171/rej.v22i36.2747

Edição

Seção

LINHA II Cidadania Social e Econômica e Sistemas Normativos