O (DES)PRAZER DE ENSINAR: INQUIETAÇÕES DE UM ASSISTENTE SOCIAL-PROFESSOR

Denise Chrysóstomo de Moura Juncá

Resumo


O presente artigo discute o cotidiano de um assistente socialprofessor.Seu objetivo é construir algumas reflexões sobre o papel dos alunose professores, no âmbito da graduação e pós-graduação em Serviço Social,considerando os desafios que se apresentam quando, o que está em jogo é asuperação da reprodução e das respostas prontas e o ingresso dos sujeitosdocentes e discentes no mundo das perguntas, das construções por fazer, dasdescobertas a perseguir. Tal análise aborda o papel da universidade, algunssentidos da formação e qualificação profissional, bem como o ritual pedagógicopredominante e algumas alternativas, tendo como foco a construção de umprocesso onde a lógica que deve vigorar é a de aprender a aprender.Palavras-chave: docência. formação profissional. pós-graduação

Texto completo:

PDF


eISSN: 2176-0896

Locations of visitors to this page